Fonte CEPEA

Carregando cotações...

Ver cotações

Internacional

China aumenta importação de aves russas

China aumenta importação de aves russas

A Rússia se consolidou como um dos três maiores fornecedores de carne de aves para o mercado chinês em 2023, marcando uma mudança significativa na dinâmica global do comércio de aves. Segundo autoridades russas, esta conquista poderá aumentar substancialmente os volumes de exportação nos próximos anos.

Dados da Agroexport, uma agência russa que facilita a exportação agrícola, mostram que a Rússia foi responsável por 10,5% das importações chinesas de aves no ano passado, totalizando cerca de 1,2 milhões de toneladas.

Nos últimos anos, a China se tornou um mercado crucial para os exportadores russos de aves, com 56% das entregas para fora do espaço pós-soviético destinadas à China em 2023, de acordo com a União Russa de Avicultura.

A ascensão das aves russas no mercado chinês foi impulsionada pela redução da participação dos fornecedores norte-americanos, cujas vendas para a China caíram 29,6% devido a surtos de gripe aviária altamente patogênica.

Daria Podymova, chefe do departamento de comércio exterior do Sindicato Russo de Avicultura, destacou que as empresas russas aproveitaram a fatia de mercado deixada pelos EUA.

Apesar das dificuldades econômicas, a China continua sendo um mercado estratégico para os exportadores.

A venda de instalações de produção por grandes empresas transnacionais e a transição para alimentos prontos para consumo são fatores que moldam a demanda.

Konstantin Korneev, diretor executivo da Rincon Management, observou que a China está aumentando principalmente as importações de subprodutos de carne suína e de aves, como patas, asas e falanges de aves, que têm alta demanda no mercado local.

Recentes negociações entre delegações comerciais russas e chinesas indicam um interesse crescente das empresas chinesas em aumentar as importações da Rússia. A Beijing Xinshengbaili Trade, por exemplo, prometeu importar entre 100 e 200 contêineres de produtos à base de carne por ano da Rússia num futuro próximo.